segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 777

Arte de capa por Nic Klein

Capa alternativa por Glenn Fabry

Capa alternativa por Mike Perkins
- Captain America n° 18 (Maio de 2014)

* "The Iron Nail: Part 2" - História escrita por Rick Remender, desenhada por Nic Klein, colorizada por Dean White, editada originalmente por Tom Brevoort

"O Prego de Ferro - Parte 2" - Publicada no Brasil, pela Editora Panini, na revista Capitão América & Gavião Arqueiro n° 17, letreirizada por Gisele Tavares, traduzida por Fernando Lopes e Jotapê Martins e editado por Rodrigo Guerrino


Falcão espreita com o Capitão América em uma duna no deserto do Saara, espionando as ações de Maria Hill e alguns agentes da SHIELD em uma de suas bases. (Nota: sim, o Falcão... já recuperado e voando livre, leve e solto depois da concussão que sofreu... pode estranhar a vontade). Maria Hill havia saído com pressa da estação central, mantendo segredo. Mas há algo grande e grave acontecendo e em torno de alguém que declarou guerra à própria SHIELD. A dupla de heróis só não sabe quem é e porque está fazendo isso agora. O Falcão sintoniza um chamado da Hill... e é tão urgente que ela está chamando qualquer agente da SHIELD. É hora dos heróis agirem... mas... Outros agentes motorizados e um enorme tanque atacam em nome da Hidra. Claramente, são agentes da SHIELD mentalmente controlados. O Capitão América derruba um dos agentes e toma sua moto para seguirem mais rápido. Quatro agentes motorizados saem do tanque e os perseguem. Por incrível que aparente, este é o menor dos problemas. O Capitão América sabe que a SHIELD já passou dos limites algumas vezes e teme o que vá encontrar naquela base. Quase duas centenas de agentes morreram na base central sem nem mesmo saberem o que era guardado ali. Que segredos haverão de esconder nessa base do deserto?

Após derrubarem os agentes motorizados, Capitão América e Falcão seguem para a base. Capitão faz contado com Azeviche que está procurando informações a respeito de um vilão conhecido apenas como Doutor Bolha Mental. Azeviche, diz que localizou o antigo ciborgue que rodava o programa do qual o vilão surgiu e que não fez nada drástico para conseguir a informação (sim, fez, torturando-o pela tal informação). Ela conta que o Doutor Bolha mental já foi um cientista da SHIELD que procurava uma técnica de guerra mais... humana. Uma resposta contra armas vivas como o próprio Capitão América. Em uma tentativa de alcançar seus objetivos, fundiu o soro do supersoldado com a estrutura da droga LSD. E utilizou ele mesmo como cobaia. Acabou enlouquecendo e matando todos no projeto. Também tentou desmantelar a SHIELD antes de ser aprisionado. Suas energias mentais são expelidas em forma de bolhas que alteram a realidade através de uma válvula em sua testa. Essas bolhas são mapas de sonhos, com o poder de envolver a vítima em um mundo de fantasia baseado nos seus desejos mais íntimos. Quando ele acaba com a vítima, a fantasia fica sombria e acaba usando os desejos do hospedeiro para matá-lo, tanto dentro da bolha... quanto na realidade. Azeviche ainda alerta Steve que só há uma maneira de escapar do ataque do vilão... Cometer suicídio antes que a fantasia o mate.

Enquanto Azeviche explica, os dois heróis escapam de mais um ataque dos agentes dominados. Por fim, Falcão invade um dos tanques do ataque e descobre que ele está sendo teleguiado. Ele escapa da explosão quando o tanque detecta sua invasão mas, antes, um dos disparos atinge a moto que o Capitão pegou. O herói salta no momento da explosão e encontra, logo abaixo, um aeroporta-aviões do tamanho de uma cidade. Bem diferente, e possivelmente mais letal, dos que os que conhece da SHIELD. Porém, quando o Capitão América o alcança, vislumbra outros aeroporta-aviões chegando para impedir o roubo desses. E se ele não sabe o motivo sombrio que os levou a criar o gigantesco que estava sendo roubado... muito menos pode saber do que a agência seria capaz para deter esse roubo... mesmo ele estando na linha de fogo.

Continua...
Arte de Nic Klein





  

 Visite a Sala de Perigo, a Loja Oficial do blog Âmago:
www.saladeperigo.com.br

Nenhum comentário: