sexta-feira, 26 de setembro de 2014

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 768

Arte de capa por John Romita Jr.
 - Captain America n° 9 (Setembro de 2013)

* "Castaway In Dimension Z - Parte 9", história escrita por Rick Remender, desenhada por John Romita Jr., artefinalizada por Klaus Janson, Scott Hanna e Tom Palmer, colorizada por Dean V. White, editada originalmente por Tom Brevoort

Publicada no Brasil, pela Editora Panini, na revista Capitão América & Gavião Arqueiro n° 8 ("Náufrago Na Dimensão Z - Parte 9"), letreirizada por Gisele Tavares, traduzida por Fernando Lopes e Jotapê Martins e editado por Paulo França

Seis anos atrás.

Ian chega feliz da pescaria. Com sua astúcia, conseguiu pegar cinco peixes. Steve está orgulhoso do garoto. Ele é maravilhoso em tudo que se propõe a fazer. Ian fica encantado com o que o pai acaba de pintar. Uma imagem onde eles, pai e filho, passaram uma tarde agradável no rio perto da tribo onde ele foi criado.

Hoje.

Sharon Carter carrega o muito debilitado Steve Rogers e tenta convencê-lo que ele foi manipulado. Ian não poderia ser  seu filho. E muito menos ele poderia ter passado décadas na dimensão de Zola. O vilão provavelmente o induziu a imaginar isso. Depois que ele foi sequestrado pelo trem, passou-se apenas trinta minutos até que a agente o encontrasse. Ali chegando, ela o salvou do garoto que estava prestes a matá-lo. Sharon tem pressa em sair daquele local. Ela colocou explosivos por toda a base. Zola pretende disseminar seu vírus mutante pelo mundo. Alguns dos mutantes de Zola os cercam, mas Sharon consegue alvejá-los. Steve está destruído... em todos os sentidos. Ele sequer pretende continuar. Sharon se enfurece com o que Zola o tornou e ordena que se levante. Essa ordem parece despertar algo em Steve... Ele se lembra de que precisa se manter de pé. Sempre. Eles irão sair da base. Steve pode ter falhado com Ian, mas ainda conhece alguém que pode salvar.

Quando Steve chega até a sala de comando, Jet está lutando contra Zola. Defendendo os integrantes da tribo que ele capturou. O herói surpreende e acerta em cheio o vilão. Apesar de Steve informar Zola de que seu filho, Ian, está morto, o vilão desdenha da fraqueza do garoto. Enfurecido, o Capitão América afunda seu pé no rosto artificial de Zola. Ele não permitirá que o monstro machuque mais ninguém.

A estação flutuante de Zola abre uma fenda no espaço e adentra os céus da Terra. Ele pretende infectar a todos com o vírus Zola. Steve vê com tristeza o céu azul. Céu que maravilhava Ian quando ele pintava em seus quadros. Céu que nunca poderá mostrar a seu filho. Steve agarra o corpo de Zola e o golpeia ainda mais. Ambos caem pela estação, atravessando suas janelas. Zola revida e, mesmo com seu corpo destroçado, tenta estrangular Steve. O herói se lembra do sorriso que seu filho lhe dava todas as vezes que ele prometia levá-lo para a Terra. Não era exatamente um sorriso de esperança. Era um sorriso de dúvida... sobre suas promessas. Steve ainda tem a bala que carregou durante todos esses anos. Ele a coloca dentro do corpo de Zola e, com uma pedra, a faz explodir dentro dele, ferindo-o de forma definitiva.

Jet e Sharon chegam até os dois. Zola não quer ver o olhar de piedade da filha. Ela também concorda que a vida lhe derrota quando não se é forte o bastante para derrotá-la. Zola lhe dá a chance de se redimir... e matá-lo. Mas ela aprendeu o suficiente sobre compaixão, salvando o povo da tribo... e aprendendo a amar seu pai. Mutantes acima deles empurram um grande rochedo... a fim de matar a traidora Jet. Em um último ato, e percebendo a escolha que sua filha fez, Zola a empurra... salvando-a do grande rochedo... que cai sobre seu próprio corpo. Sharon mata os mutantes acima deles. Zola ainda tem esperança de renascer... em toda pessoa e animal que seu vírus infectar. Ele nunca disse antes... mas a verdade é que ama sua filha. A dominação da Terra a fará ser uma deusa. Então... Zola morre.

Continua...

4 comentários:

Anônimo disse...

Espera aí! O Ian está MESMO morto?
Isso não pode ser verdade!!!! (o menino era horroroso, mas não tinha q morrer)
Tadinho do Steve Ç_Ç



Lisbeth

Marcos Dark disse...

Será? Será?? Será???

Anônimo disse...

Isso é tão injusto, só o Demo fica morto!!! (E o Arnie, e o Michael)


Lisbeth

Marcos Dark disse...

Lembrando que os universos dos quadrinhos de super-heróis são regidos pelo deus do "por enquanto"...