quinta-feira, 31 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 42

 - The Avengers 16 (Maio de 1965)
> Publicada no Brasil na revista Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 2 , pela editora Panini ("Muda a Velha Ordem")


História:

* "The Old Order Changeth" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Dick Ayers.

Depois de uma breve batalha contra os Mestres do Terror (breve mesmo, onde os heróis finalizam a briga da edição anterior), os vingadores remanescentes estão estressados demais com as últimas batalhas e decidem tirar uma licença do ofício de ser heróis. Mas os Vingadores não terminaram e o Homem de Ferro rece os novos membros da equipe: Gavião Arqueiro, Mercúrio e Feiticeira Escarlate.

Durante esse processo de seleção para novos Vingadores, Capitão América e Rick Jones se aventuram retornando da selva amazônica, após a batalha que vitimou o vilão Barão Zemo. Chegando na mansão dos Vingadores, o herói conhece seus novos colegas e fica supreso ao saber que Homem de Ferro, Gigante e Vespa estão se ausentando do grupo (como se fosse uma licença). Observação: Thor não está presente, por estar resolvendo seu próprios problemas em Asgard.

Como acaba se tornando uma espécie de veterano diante dos "novos vingadores", Capitão América recebe a incumbência de liderar essa nova equipe.

A+:

* Até aqui, em sua curta existência, os Vingadores se revezavam praticamente a cada edição no que diz respeito a liderança. Com essa nova fase, é a primeira vez que o líder fica claro e fixo dentro do grupo.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 41

 - The Avengers 15 (Abrilo de 1965)
> Publicada no Brasil na revista Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 2 , pela editora Panini ("Agora, pela minha mão, um vilão pode morrer!")

História:

* "Now, By My Hand, Shall Die a Villain!" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Don Heck e Jack Kirby, artefinalizada por Mike Esposito

Zemo e seus aliados sequestram Rick Jones. O objetivo? Atrair o Capitão América e os Vingadores para uma armadilha.

(Fonte: Guia dos Quadrinhos )

Para reforçar o plano, Zemo envia Encantor e o Executor para libertar os outros vilões que integram o seu grupo, os Mestres do Terror. Enquanto os Vingadores enfrentam os Mestres na cidade, Capitão América parte para a selva amazônica para enfrentar o Barão Zemo e libertar Rick.

No meio da batalha, Zemo fica momentaneamente cego pelo reflexo no escudo do Capitão, e atira contra rochas que desabam sobre ele. É o fim do vilão. O fim de um ciclo. O Barão Zemo morre por suas próprias mãos e deixa seus Mestres do Terror enfrentando os heróis em Nova Iorque. Batalha que, aliás, será mostrada epicamente na próxima edição.

Continua...

A+:

* Pela primeira vez, desde que ressurgiu, o Capitão América assume a identidade de Steve Rogers (bem, na verdade ele não chega a utilizar o nome) e usa roupas civis. Aliás, civil demais. O herói decide que não deve contar apenas com a ajuda financeira dos Vingadores (na verdade, financiado por Tony Stark) e decide dar um rumo em sua vida. Para iniciar, tenta entrar em contato com um velho amigo: Nick Fury. Sua intenção é trabalhar com contra-espionagem. É o herói clássico no Universo Marvel dos anos 60, procurando emprego e uma forma de se sustentar, afinal.

terça-feira, 29 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 40

- Tales of Suspense 63 (Março de 1965)
> Publicada no Brasil na revista Marvel + Aventura nº 3 , pela editora Panini ("A Origem do Capitão América")


História:

* "The Origin of Captain America" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Frankie Ray

O jovem Steve Rogers recebe o soro do Super Soldado e se transforma no Capitão América. Também é mostrado Bucky Barnes descobrindo a identidade secreta do Capitão, e assim virando seu ajudante. O cientista que inventou o Soro, Doutor Erskine, não fez anotações sobre a fórmula para que não caísse nas mãos de inimigos, mas assim que Steve Rogers a consome, um nazista invade o laboratório e mata o Doutor com um tiro, perdendo-se a fórmula para sempre.

(Fonte: Wikipedia )

Steve Rogers torna-se, assim, o único beneficiado da fórmula do supersoldado. Junto a Bucky, o herói se torna um dos mais consagrados combatentes na Segunda Guerra Mundial.

A+:

* Aqui, as histórias do Capitão América na revista Tales of Suspense tomam um curioso rumo. Formada por uma série de retcons (histórias que recontam o passado do personagem, acrescentando detalhes até então inéditos), as aventuras do Capitão agora são ambientadas na Segunda Guerra, assim como o personagem foi concebido na Era de Ouro dos Quadrinhos. Essa ambientação permite que Stan Lee e Jack Kirby desenvolvam melhor personagens do passado do heróis.

* O desenhista Jack Kirby foi um dos criadores do personagem, em 1941. É interesante notar, no entanto, a mudança de estilo de seu traço durante as décadas que separam essas publicações.

* Um detalhe importante é dado ao personagem Bucky. Até então, não passava de um menino que vivia aventuras ao lado do Capitão e ajudava a esconder sua identidade secreta dentro de um quartel. Mas... o que um menino estava fazendo dentro de um quartel??? Apesar do traço de Jack Kirby parecer retratar personagem "menos criança" do que a versão original, é explicado que o pai de Bucky foi um valoroso soldado que morreu durante uma batalha. Como consolação, o menino foi adotado como uma espécie de mascote do regimento.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 39

 - Tales of Suspense 62 (Fevereiro de 1965)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Capitão América nº 1 , pela editora Panini ("Motim no Pavilhão 10")


História:

* "Break-Out In Cell Block 10!" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Chic Stone

Quando o diretor da prisão pede que o vingador faça uma demonstração de suas habilidades aos guardas, o herói começa a sentir algo estranho no local. Naquele presídio, alguma coisa estava muito errada...

(Fonte: Guia dos Quadrinhos )

O diretor, e mesmo os oficiais, são os detentos que tomaram a prisão e se disfarçaram para capturar o Capitão América. A intenção é utilizar o escudo do herói, magnetizado pelo Homem de Ferro, para abrir a porta ultra-moderna que os mantém dentro do local. Mas o plano é frustrado uma vez que os esquipamentos que magnetizavam o escudo foram retirados e mesmo o Capitão consegue recuperá-lo e deter os fugitivos.

A porta especial, como demonstra o verdadeiro diretor da prisão, só pode ser aberta por uma senha vocal formada por duas palavras: "Capitão América".

A+:

* Lembram da idéia de que o escudo do Capitão volta após ser lançado graças a um aparelho criado pelo Homem de Ferro? Pois é... a idéia parece que não deu muito certo. Aqui, o próprio Capitão diz que retirou o "brinquedo", pois atrapalhava o equilibrio do escudo.

domingo, 27 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 38

 - The Avengers 14 (Março de 1965)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 2 , pela editora Panini ("Até os Vingadores Podem Morrer")


História:

* "Even Avengers Can Die" - Escrita por Stan Lee, Paul Laiken e Larry Lieber, desenhada por Jack Kirby e Don Heck, artefinalizada por Chic Stone

A vida da Vespa, baleada durante uma missão, corre perigo. Seus parceiros Vingadores têm poucas horas para encontrar um certo cirurgião especialista desaparecido, o único que pode salvá-la na mesa de operações.

(Fonte: Guia dos Quadrinhos )

A busca, no entanto, se torna uma missão fantástica. Os heróis encontram o renomado cirurgião, especialista em pulmões, isolado em uma cidade alienígena no meio do Pólo Norte. No entanto, ele não é exatamente refém das criaturas. Os alienígenas se refugiaram na Terra para escapar de inimigos de guerra de outros planetas. Com nossa atmosfera se mostrando irrespirável para eles, o Dr Svenson decidiu ajudá-los a criar meios de respirar em um ambiente inóspito.

Com as frotas inimigas encontrando os alienígenas, esses partem para o espaço para enfrentar a iminente batalha. Os Vingadores levam o Dr Svenson para o hospital onde Vespa está a beira da morte. Depois da cirurgia, para a alegria do Gigante (que se mostra sinceramente apaixonado pela vingadora)... a heroína está se recuperando bem.

sábado, 26 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 37

 - The Avengers nº 13 (Fevereiro de 1965)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 2 , pela editora Panini ("O
Castelo do Conde Nefária")


História:

* "Trapped in... the Castle of Count Nefaria" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Don Heck, artefinalizada por Dick Ayers

Os Vingadores começam a acabar com os negócios da Maggia, fazendo com que o líder da organização criminosa, o misterioso Conde Nefária, intervenha. Posando de benfeitor, ele convida os Vingadores para um evento de caridade em seu castelo. Lá, o vilão hipnotiza nossos heróis e cria duplicatas idênticas a eles. As imagens falsas incriminam os heróis, fazendo com que eles sejam caçados por todo o país. Só resta aos vingadores voltarem ao castelo para tentar limpar seu nome...

(Fonte: Guia dos Quadrinhos - www.guiadosquadrinhos.com )

Chegando ao Castelo, além do vilão, os Vingadores enfrentam o exército dos Estados Unidos, uma vez que as autoridades acreditam que eles são criminosos. Apenas o Capitão América consegue entrar no Castelo e, com a ajuda da Brigada Jovem (grupo de adolescentes que andam com Rick Jones) conseguem derrotar Nefária, fazendo-o confessar publicamente que os heróis são inocentes.

Mas a vitória se torna amarga quando percebem uma dramática baixa: Vespa foi atingida mortalmente durante a luta com o exército americano.

Continua...

A+:

* A organização criminosa conhecida como Maggia é uma espécie de sindicato de criminosos comuns, divididos em grupos que são encabeçados por algum supercriminoso. De certa forma a Maggia é uma espécie de máfia a nível mundial e cada grupo de vilão atua como se uma uma "famiglia" mafiosa.

O Conde Nefária, um dos primeiros e mais importantes líderes da organização, surgiu como se fosse o grande e temido organizador do grupo. Mas mesmo ele parece temer as punições internas.

sexta-feira, 25 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 36

 - Tales of Suspense 61 (Janeiro de 1965)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Capitão América nº 1 , pela editora Panini ("A Força de Sumô")


História:

* "The Strength of the Sumo" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Chic Stone


O Capitão América atravessa as selvas do Vietnã, em plena guerra, para libertar um piloto de helicóptero. A missão tem um tom pessoal, uma vez que o irmão deste piloto também salvou a vida do Capitão no passado.

Porém, para resgatar seu amigo, o Capitão América tem que enfrentar o líder dos vietcongues e se surpreende com o fato deste ser um fortíssimo lutador de sumô conhecido como O General. Com muita dificuldade, o herói consegue ludibriar o vilão e fugir com o piloto.

quinta-feira, 24 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 35

 - Avengers 12 (Janeiro de 1965)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 2 , pela editora Panini ("A Terra Como Refém")


História:

* "This Hostage Earth" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Don Heck, artefinalizada por Dick Ayers

O herói Gigante, que também já foi o Homem Formiga, fica alerta pelos sinais recebidos por formigas, que estão agitadas. Até mesmo seus colegas vingadores acham exagero (para não dizer futilidade) quando o herói os avisa que algo ameaçador está chegando... e perturbando até as formigas!

Caindo em descrédito pelos outros vingadores, Gigante decide investigar sozinho... e acaba descobrindo que algo está ameaçando a Terra, de fato. O vilão Toupeira (inimigo do Quarteto Fantástico), que comanda um exército de criaturas que vivem nos subterrâneos, decide invadir violentamente o mundo da superfície. E mais: conta com a ajuda de outro vilão (do Quarteto, também), o Fantasma Vermelho.

Preso pelos vilões, Gigante recebe posteriormente a ajuda dos demais vingadores, que lhe devem desculpas por desdenhar de seus alertas (ou do método como eles acontecem). Unidos, os vingadores conseguem ludibriar o plano dos vilões.

Aqui, discretamente, o Capitão América demonstra (e até abusa) o espírito de liderança que tem com o grupo. Dá ordens praticamente a todos os vingadores, individualmente, e consegue até mesmo a colocar ordem quando os ânimos estão mais exaltados.

quarta-feira, 23 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 34

 - Tales of Suspense 60 (Dezembro de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Capitão América nº 1 , pela editora Panini ("O Exército dos Assassinos Ataca")


História:

* "The Army of Assassins Strikes" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Chic Stone

Um grupo de assassinos, sob ordens de Zemo, ataca o Capitão América durante um evento de caridade. O público pensa que é tudo encenação, parte do espetáculo. Mas os atacantes são muitos e bem treinados. O Capitão precisará de toda sua habilidade para sair da arapuca. Note que o início da história é semelhante ao do filme "Moscou contra 007" (1963).

Derrotando (sozinho) o Exército de Assassinos, o Capitão América desafia publicamente o Barão Zemo, que fica ainda mais furioso. A intenção é justamente fazer com que o vilão perca a cabeça e saia de seu esconderijo.

( Fonte: Guia dos quadrinhos )

terça-feira, 22 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 33

 - The Avengers 11 (Dezembro de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 2 , pela editora Panini ("Os Poderosos Vingadores Encontram O Homem Aranha")


História:

* "The Mighty Avengers Meet Spider-Man" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Don Heck, artefinalizada por Chic Stone

Kang constrói um andróide que é uma cópia fiel do Homem-Aranha. O impostor se infiltra entre os Vingadores e os chantageia, dizendo que sabe onde se encontra o Homem de Ferro e que ele está em perigo, no México. Mas tudo não passa de uma armadilha para acabar com os heróis.

Para o azar do vilão, o verdadeiro Homem-Aranha descobre que está sendo emulado e segue os heróis até o México onde, sozinho, consegue destruir o robô. Apesar do aracnídeo não se encontrar diretamente com os Vingadores, Capitão América testemunha a batalha solitária que inocenta o herói.

( Fonte: Guia dos quadrinhos  )

segunda-feira, 21 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 32

 - Tales of Suspense 59 (Novembro de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Coleção Histórica Marvel nº 1 , pela editora Panini ("Capitão América")


História:

* "Captain America" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Chic Stone

Quadrilha decide invadir o QG dos Vingadores ao saber que quem está de plantão é o Capitão América. os criminosos acreditam que o herói de escudo é o mais fraco do grupo. HQ que deu origem a “Para viver de novo” (“To live again): o 3° capítulo do 5° episódio do desenho da TV do Capitão (1966). O episódio da TV foi dividido em três partes, sendo as anteriores “A volta do Capitão América” (“Return of Captain America”) e “A busca” (“The search”).

( Fonte: Guia dos quadrinhos

A+:

* Estréia do Capitão América em suas próprias aventuras, desde que ressurgiu no Universo Marvel. Era um passo para a independência do personagem, que vinha participando das histórias dos Vingadores (ironicamente, esta história se passa dentro da Mansão do grupo).

* A revista Tales of Suspense passava, a partir dessa edição, a publicar aventuras de dois personagens Marvel que ainda não tinham sua revista própria: o Capitão América e o Homem de Ferro.

* Outro ponto importante é que Jack Kirby volta a desenhar as aventuras do herói. Até então, participou da revista dos Vingadores, onde o Capitão foi reinserido. Kirby foi um dos criadores do personagem, mas aqui retorna em um estilo bem diferente do passado, porém marcante e que o tornaria característico e uma inspiração para as gerações futuras de desenhistas.

domingo, 20 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 31

 - The Avengers 10 (Novembro de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 1 , pela editora Panini ("Os Vingadores Se Separam")


História:

* "The Avengers Break Up" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Don Heck, artefinalizada por Dick Ayers


O treinamento dos Vingadores se baseia no simples exercício de se segurar o Capitão América. Algo que não se mostra tão simples assim, mas que, também, mostra que o herói não é tão invencível como foi mostrado em seu ingresso para o grupo. É o próprio Homem de Ferro quem prende o famoso escudo do herói, simplesmente invertendo a polaridade de seus repulsores magnéticos.

Logo depois, na reunião do grupo, o Homem de Ferro propõe que Rick Jones seja incluso no grupo. A idéia, baseada no fato de que o jovem está sendo treinado pelo Capitão América, também inclui que Jones use um uniforme colorido de super herói. O próprio Capitão é contra a idéia, uma vez que o trauma de ter perdido seu ex-parceiro, Bucky, ainda atormenta sua consciência.

O vilão Immortus, capaz de viajar pelo tempo e trazer qualquer personagem histórico (ou mitológico) para o presente, une-se aos Mestres do Terror (Barão Zemo, Encantor e Executor) e sequestra Rick Jones. Capitão, em seu encalço, é convencido por Immortus de que os Vingadores querem eliminar o jovem. Ele, então, ataca seus companheiros de grupo com mais afinco do que em seus treinamentos. Não tendo superpoderes, ataca os outros heróis usando seu incrível raciocínio tático. O Homem de Ferro, por exemplo, fica cego com um jato de pó químico de um extintor (simples assim!). A confusão é resolvida e o Capitão é convencido que estava sendo enganado.

Os Vingadores enfrentam Immortus, que traz figuras da história (real ou fictícia) para enfrentar cada um dos heróis.

No meio das batalhas, Immortus sequestra o Capitão América e o leva para a era medieval (onde Rick Jones está preso). Com isso, os Vingadores ficam divididos o suficiente para que os Mestres do Terror possam derrotá-los. O sucesso dos vilões também se dá devido a surpresa do ataque (até então, ninguém sabia que Immortus estava mancomunado com os Mestres).

Quando se imaginava que os vilões haviam vencido, o Capitão América ressurge e vira a mesa (não sozinho, é claro; ele liberta os amigos, que reagem). Não é explicado como, mas ele diz que libertou Rick Jones e derrotou Immortus. Encantor usa magia para tirar seus vilanescos colegas de grupo do local, voltando no tempo, antes do momento em que ela captou a presença de Immortus (isso teria "guiado" o vilão até o grupo) e mudando o rumo da coisas, ou seja, nada, nem a batalha com os heróis aconteceu.

Aventuras ao estilo das histórias do Tio Patinhas, onde personagens Disney encontram figuras mitológicas e históricas.

sábado, 19 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 30

 - The Avengers 9 (Outubro de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 1 , pela editora Panini ("A Chegada de Magnum")


História:

* "The Coming of the... Wonder Man" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Don Heck, artefinalizada por Dick Ayers


Capitão América ainda tem delírios de vingança contra o Barão Zemo, mas seus pressentimentos tem certo fundamento.

Zemo, Executor e Encantor planejam como derrotar os Vingadores. Ele atentam para o noticiário, que fala sobre Simon Williams, preso por desvio de dinheiro nas Indústrias Stark. Devido a sua ligação com o Homem de Ferro (uma vez que todos acreditam que o herói é guarda-costas de Tony Stark), decidem usá-lo em seus planos.

Os vilões levam Williams para a base do Barão Zemo, na selva amazônica, onde o cientista lhe dá poder através de raios experimentais. Para controlá-lo, Zemo o envenena, mantendo o antídoto que deve ser administrado de tempos em tempos. Desta forma, mantém a "fidelidade" de Williams ao grupo.

O trio de vilões armam um assalto onde enfrentam os Vingadores. Os heróis, sem saber que se trata tudo de uma armação, recebem a ajuda de Magnum, a nova identidade de Simon Williams. Este, por sua vez, explica aos heróis que tem uma rara doença e pede ajuda aos heróis para encontrar a cura.

A Vespa é levada como refém e os Vingadores partem para a base de Zemo. Lá, são traídos por Magnum e derrotados um a um. Porém, percebendo a nobreza com a qual foi tratato pelos heróis, Magnum decide arriscar a própria vida... traindo os vilões. Magnum consegue salvar todos os Vingadores, mas morre envenenado. 
 

sexta-feira, 18 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 29

 - The Avengers 8 (Setembro de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 1 , pela editora Panini ("Kang, o Conquistador")


História:

* "Kang, the Conqueror" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Dick Ayers

Um homem aparece em um disco voador dizendo ser Kang, o Conquistador, vilão que veio do futurístico século 40 para conquistar a humanidade. Munido de armamento tecnologicamente avançado, Kang consegue capturar os Vingadores, mas os heróis conseguem escapar graças a Vespa e a Brigada Jovem (grupo de adolescentes que seguia Rick Jones). Cercado, Kang volta para sua nave e para sua época.

A+:

* Última edição da revista Vingadores desenhada por Jack Kirby. Ele viria a fazer algumas edições mais adiante, mas aqui acaba seu trabalho contínuo (que se iniciou no primeiro número da revista).

* Kang é paradoxalmente a versão futurista de outro vilão viajante do tempo, o Rei Rama-Tut, inimigo do Quarteto Fantástico e ditador que pretendia dominar o Egito Antigo. Ao fugir do Quarteto, Rama-Tut foi parar no século 40, quando a Terra vivia em constante guerra, e dominou o armamento futurista, nomeando-se como Kang, o Conquistador.

quinta-feira, 17 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 28

 - The Avengers 7 (Agosto de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 1 , pela editora Panini ("em Sua Hora Mais Sombria")


História:

* "Their Darkest Hour" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Chic Stone

Odin expulsa dois asgardianos para a Terra: a feiticeira Encantor e o guerreiro Executor. O casal se une ao Barão Zemo com intento de derrotar o filho de Odin, Thor. Para tanto, Encantor utiliza de suas poções para dominar o deus do trovão e o virar contra os próprios Vingadores.

Enquanto isso, Capitão América vai até a Selva Amazônica enfrenta o Barão Zemo (responsável pela morte de seu parceiro, Bucky). Mas, após uma breve fuga lem sua nave espacial, o vilão consegue fugir do herói.

A+:

* Rick Jones veste o uniforme de Bucky, o que o faz parecer muito com o parceiro do Capitão. Parece tanto que o deixa até meio perturbado pela visão. O herói, transtornado, pede a Rick que tire imediatamente o uniforme e nunca mais tente substituir seu antigo amigo.

* Quando esta história foi publicada no Brasil pela editora Bloch, em 1976, Encantor e Executor foram chamados respectivamente de Bruxinha e Carrasco.

quarta-feira, 16 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 27

 - The Avengers 6 (Julho de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 1 , pela editora Panini ("Os Poderosos Vingadores Encontram os Mestres do Terror")


História:

* "The Mighty Avengers Meet The Masters of Evil" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Chic Stone

O vilão Barão Zemo reúne um grupo de supervilões formado por: Cavaleiro Negro, O Derretedor e Homem Radioativo. Munidos de um poderoso adesivo que espalham pela cidade, o objetivo do ataque é destruir o Capitão América, inimigo do passado de Zemo.

A+:

* Mais uma parte do passado perdido do Capitão América é reconstruído com a aparição do Barão Zemo. Segundo recordações, o vilão pertence a época em que o herói enfrentava nazistas juntamente com Bucky. Zemo tem uma espécie de capacete grudado em sua cabeça, graças a um dos ataques do Capitão, onde seu escudo perfurou um tanque com um poderoso adesivo, que cobriu o rosto do vilão. O Capitão, por sua vez, irá descobrir que Zemo estava presente e foi um dos responsáveis pela bomba que vitimou Bucky e o desacordou, fazendo com que caísse nas águas geladas e ficasse congelado por décadas.

* Apesar da destreza do Capitão América com seu escudo (que parece voltar toda vez que é arremessado), o Homem de Ferro cria um dispositivo que dá mais credibilidade para que essa arma volte a seu dono. Em sua luva, um poderoso magneto faz com que o escudo retorne após ser lançado.

* O Capitão ainda parece não ter se adaptado aos novos tempos e está triste pela perda de seu parceiro Bucky. Rick Jones, que acompanha o herói nesse período, insiste em ser seu novo parceiro, mas o herói reluta em arriscar um inocente.

* O grupo de vilões organizados por Zemo, serve como uma espécie de "vingadores do mal". Ficaríam conhecidos como Mestres do Terror e, assim como os vingadores, teríam vários integrantes em diferentes formações.

* O clima depressivo em que o Capitão América se encontra, pela perda de seu parceiro (e seu passado), era uma das marcas dos novos heróis criados pelo escritor Stan Lee. Graças a esse tipo de abordagem, onde personagens enfrentavam problemas pessoais mesmo tendo superpoderes, o órgão responsável pela censura nos quadrinhos, o Comics Code Authority, foi obrigado a rever muito de sua política na época.

terça-feira, 15 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 26

 - The Avengers 5 (Maio de 1964)
> Publicada no Brasil no especial Biblioteca Histórica Marvel - Os Vingadores nº 1 , pela editora Panini ("A Invasão dos Homens-Lava")


História:

* "The Invasion of the Lava Men" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por Paul Reinman

Após enfrentarem o Hulk, os Vingadores tentam cuidar de suas vidas particulares. Mas a folga dura pouco quando o exército se vê diante da ameaça dos Homens-Lava, uma raça subterrânea que tenta destruir a humanidade e reinar na superfície.

O jovem Rick Jones perdeu contato com seu "amigo" Hulk após a luta com os vingadores. Com isso, acaba se tornando uma espécie de guia do Capitão América no mundo "moderno" e o apresenta para seus amigos.

A+:

* O Hulk acaba dando uma ajudinha indireta (como sempre) nessa aventura, ao ser irritado o suficiente para socar uma espécie de rocha explosiva dos Homens-Lava.

Interessante notar que o destacamento do exército que recebe os Vingadores é liderado pelo General Ross, inimigo declarado do Hulk desde que ele surgiu. Sem saber que o doutor Bruce Banner, interesse romântico de sua filha, é o monstro, Ross dá um bronca no cientista antes de pedir ajuda contra a rocha explosiva. Sua ira se deve a Banner ter desaparecido desde os últimos testes nucleares em que estava envolvido. Foi justamente durante um acidente com estes testes que Banner veio a se transformar no Hulk. O fato de Ross demonstrar estar revendo-o só agora, é um sinal de que o cientista estava sumido desde então.

segunda-feira, 14 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 25

 - Fantastic Four 26 (Maio de 1964)
> Publicada no Brasil na revista Quarteto Fantástico nº 15, pela editora Ebal ("Os Vingadores Entram em Cena")


História:

* "The Avengers Take Over" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby, artefinalizada por George Bell

O Capitão América continua a ser apresentado para os heróis do Universo Marvel... bem... mais ou menos. Aqui, ele, juntamente com os Vingadores, se encontra com o Quarteto Fantástico. Lembrando que os dois grupos nunca se encontraram antes, valendo a regra de que heróis sempre se estranham em um primeiro contato. Porém, ao invés de se estapearem por motivo algum, o que acontece aqui é uma espécie de "engarrafamento de heróis". Com tantos personagens em um único local, um acaba esbarrando e atrapalhando o outro, numa situação quase cômica.

O motivo dos dois grupos se encontrarem é a destruição perpetrada pelo Hulk. O monstro enfrentou o Coisa, na edição anterior da revista do Quarteto Fantástico (num dos primeiros e clássicos encontros entre estes dois heróis). A briga foi levada até a cidade de Nova Iorque, onde os Vingadores também tentam deter seu ex-integrante. Na verdade, é o Hulk quem procura os heróis, onde está seu amigo Rick Jones. Chegando lá, ele descobre que Rick agora ajuda o Capitão América. Num acesso parecido com ciúmes, Hulk destrói a mansão de Tony Stark (o Homem de Ferro) e enfrenta também os Vingadores.

A situação se resolve com Rick chegando perto o bastante do Hulk para fazê-lo engolir uma cápsula capaz de acalmá-lo. Voltando a forma de Bruce Banner, o monstro consegue fugir de ambas as equipes.

O Capitão América, que, de certa forma, é o herói com menos poder entre os Vingadores, mostra que suas habilidades acrobáticas são páreo até mesmo para enfrentar o Hulk. Encarando o gigante verde sozinho, consegue golpeá-lo (claro que sem muito resultado) e esquivar-se de seus ataques, dando chance de seus colegas o cercarem.

A+:

* Em início de carreira, os heróis Marvel passaram por diversos ajustes até alcançarem um visual mais condizente com o que conhecemos hoje (na verdade, continuaram se adaptando com o passar das décadas). O Homem de Ferro, por exemplo, teve vários ajustes em sua armadura em pouquíssimo tempo. Quando fundou os Vingadores, usava uma armadura toda amarela (ou dourada) que mais parecia um enorme tambor. Na versão dessa história, seu comunicador era representado por uma inesquecível anteninha que saía do ombro de sua armadura.

domingo, 13 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 24

 - The Avengers 4 (Março de 1964)
> Publicada no Brasil no encadernado Biblioteca História Marvel - Os Vingadores nº 1, pela editora Panini ("Capitão América entra para... os Vingadores")


História:

* "Captain America Joins... The Avengers - Escrita por Stan Lee, desenhada por Jack Kirby

O retorno de Steve Rogers, o Capitão América original!

O corpo de um homem é encontrado congelado no oceano pelo grupo de super-heróis conhecido como Vingadores (Thor, Homem de Ferro, Vespa e Gigante). Logo, o reconhecem pelas vestimentas como sendo o lendário Capitão América e, o mais surpreendente, ele começa a acordar! Ainda incrédulos, os heróis só tem certeza de que se trata do supersoldado da Segunda Guerra quando este mostra suas habilidades em combate.

O próprio Capitão, se recuperando do choque inicial, conta que lembra apenas de sua última aventura, quando ele e Bucky, seu parceiro, tentaram impedir o lançamento de uma bomba. O Capitão conseguiu saltar a tempo, mas Bucky continuou no míssil que explodiu e o vitimou. Com o choque, Capitão América cai nas águas geladas, congelando e mantendo-o conservado até os dias atuais (década de 60, no caso).

Mas o herói não teria tranquilidade ao ser reencontrado. Logo que o submarino dos Vingadores chega ao porto, os heróis são transformados em pedra. Pensando que foi deixado só, o Capitão se acostuma com o mundo a sua volta, que mudou muito enquanto esteve congelado (ele fica encantado com um aparelho de TV, por exemplo, que não existia em sua época). Comemora erroneamente ao ver o jovem Rick Jones, um adolescente amigo dos Vingadores, que se parece muito com seu parceiro Bucky.

Investigando como seus novos amigos viraram pedra, o Capitão chega até um alienígena (isso é que é história com reviravoltas!) que os traz a forma normal e solicita ajuda para tirar sua nave do fundo do oceano. Porém, para tanto, os heróis terão que enfrentar um antigo amigo do Capitão: Namor, o Príncipe Submarino!

A+:

* Rick Jones é uma espécie de genérico do personagem que representa o leitor dentro da história. Ao invés de ser um parceiro-mirim de herói, o jovem é um coadjuvante muito participativo. Além de ser amigo dos Vingadores, acompanha as aventuras do Hulk (do qual foi indiretamente culpado pela transformação), chegará a ser parceiro do Capitão América e do Capitão Marvel. Talvez seja um personagem coadjuvante que tenha aparecido muito mais que vários heróis principais da Marvel.

* O alienígena que transforma os heróis em pedra (graças a sua arma especial) conta que ele já está preso na Terra por séculos, tentando buscar ajuda para retirar sua nave que está "atolada". Possivelmente é responsável pelo surgimento da lenda da Medusa, que transformava sua vítimas em pedra e tinha serpentes no lugar dos cabelos (os cabelos do alienígena são tão desgrenhados que sua aparência pode ter sido descrita dessa forma).

* O herói Gigante, identidade secreta do cientista Henry Pym, e responsável por trazer o corpo de Steve Rogers para dentro do submarino, é capaz de aumentar seu próprio tamanho. Porém, já teve um poder contrário, reduzindo seu tamanho, quando atuava como o herói Homem-Formiga. Seria estranho dizer que Pym "iniciou" sua carreira com essa identidade, uma vez que, na verdade, iniciou suas aventuras como um personagem de história de ficção científica, onde mostrava um cientista (o próprio Pym), que cria um soro capaz de fazê-lo reduzir de tamanho. Ao testar sua fórmula, passa por apuros ao invadir um formigueiro. O personagem acabou caindo no gosto dos leitores e ele foi aproveitado no universo de super-heróis da Marvel.

* O retorno do Capitão América é cheio de ironias. Anteriormente, os Vingadores contavam com o Hulk em seu grupo. Mas, instável, acabou se virando contra seus colegas e se unindo a um maléfico Namor (que também era herói, mas tinha uma rixa contra o povo da superfície que o tornava um quase vilão). Após a aventura onde se uniu ao Hulk para derrotar os Vingadores, Namor encontrou uma tribo de esquimós que adoravam uma espécie de ídolo no gelo. Ainda enfurecido, pegou o ídolo e o jogou nas águas do oceano. Acontece que esse ídolo (preso em um bloco de gelo) era justamente o Capitão América congelado, O que nos leva ao início dessa história.

sábado, 12 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 23

 - Young Men 24 (Dezembro de 1953)
> Publicada no Brasil na revista Biriba Mensal nº 56, pela editora RGE ("A Traição do Capitão América")


História:

* "Back From The Dead - Escrita por Stan Lee, desenhada por John Romita, artefinalizada por Mort Lawrence


Os tempos agora são outros e o vilão Caveira Vermelha ressurge ameaçando as Nações Unidas em nome do comunismo. Para a surpresa do próprio vilão, seu maior inimigo, Capitão América também ressurge acompanhado de seu companheiro Bucky.

Durante todos esses anos, o herói permaneceu inativo, lecionando em uma escola, mas decide voltar a ativa para defender a liberdade contra o avanço dos comunistas.

A+:

* A revista do Capitão América (Captain America Comics) foi cancelada no número 71, devido a popularidade dos super-heróis caírem muito entre o final da década de 40 e início da década de 50. Com esse ressurgimento do Capitão América, houve mais três números do título, na esperança de continuar suas aventuras... algo que, por não recuperar sua popularidade, não aconteceu.

* A Timely, editora que publicava as aventuras do herói, agora se chama Atlas.

* É a década de 50 e a Guerra Fria engatinhava em uma verdadeira batalha de ideologias, dividindo o mundo entre o imperialismo americano e o comunismo soviético. Devido a isso, o personagem ressurgiu, mudando seu foco.

* Para efeitos de cronologia, este é a quarta versão do personagem. Aqui temos o professor William Burnside que, juntamente com o garoto (e seu aluno) Jack Monroe, veste o uniforme do herói e combate a ameaça representada pelo também novo Caveira Vermelha, aqui encarnado por Albert Malik, que também decidiu reverenciar o desaparecido vilão.

* Lembrando que o Caveira Vermelha se tornou um símbolo contra o modo de vida americano. Dessa forma, com o desaparecimento do primeiro vilão a utilizar esse nome durante a Segunda Grande Guerra, outros se vestiam com uma "máscara de caveira vermelha" para espalhar o terror, algo que o vilão bem representava. Albert Malik, na verdade, é o quarto homem a se autodenominar Caveira Vermelha. A cor em seu nome, em tempos de Guerra Fria, tomou outra representação.

sexta-feira, 11 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 22

 - Captain America Comics 67 (Julho de 1948)
> Publicada no Brasil na revista O Guri nº 205 ("O Cantor Que Queria Lutar")

História:

* "The Singer Who Wanted to Fight" - Desenhada por Syd Shores, artefinalizada por Vince Alascia

Um cantor frustrado descobre sua nova vocação ao nocautear um arrogante lutador de boxe em um restaurante. O mesmo lutador decide investir na nova carreira do novato, mas já planeja sua morte nos ringues, assim que enriquecer as suas custas.

Capitão América e Golden Girl testemunham a ascenção do cantor e os planos para lhe tirar a vida. Para impedir o assassinato, o próprio Capitão sobe aos ringues (após quebrar o queixo do cantor no treino, para que desista) e consegue desmascarar os golpistas.

quinta-feira, 10 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 21

 - Captain America Comics 66 (Abril de 1948)
> Publicada no Brasil na revista O Guri nº 229 ("Betsy Ross")


História:

* "Golden Girl" - Escrita por Stan Lee, desenhada por Syd Shores, artefinalizada por Ken Bald

Bucky é baleado e não pode atuar como parceiro do Capitão América. O herói acaba revelando sua identidade para Betsy Ross, que é treinada e se torna Golden Girl, nova heroína que atua como parceira do Capitão.
 
A+:

* Aqui, Bucky (Fred Davis) deixa de atuar ao lado do Capitão América. Lembrando que este Capitão América, segundo a cronologia, passou a ser Jeff Mace. Este, por sua vez, futuramente irá se casar com Betsy Ross, a nova parceira Golden Girl.

Já o Bucky, coitado, teve um destino "editorioalmente" pior que a morte: baleado, chegou a ficar confinado em uma cadeira de rodas... e simplesmente não foi mostrado mais.

quarta-feira, 9 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 20


- Captain America Comics 60 (Janeiro de 1947)
> Publicada no Brasil na revista O Guri nº 168 ("O Homem-Mosca")


História:

* "The Human Fly" - Desenhada por Mike Roy, artefinalizada por Al Avison

Um artista de circo se apresenta com um traje cheio de ventosas, capaz de subir por uma grande e alta cerca. O nome da atração é "O Homem Mosca". Mas, em uma apresentação, o artista cai e adquire medo de alturas. Promete para sua namorada que irá arrumar um emprego onde possa recuperar a coragem de escalar lugares altos.

Tempos depois, um lavador de janelas de edifícios testemunha um homem guardando jóias em uma das salas do prédio que escala. Logo, uma idéia lhe vem a cabeça e ele aparece utilizando o uniforme de Homem Mosca. Capitão América e Bucky testemunham um dos seus roubos e, como haviam visto o show do circo, após uma breve batalha (e fuga do vilão) seguem direto para prender o artista. No entanto, o artista não é o culpado pelos crimes. De fato arrumou um emprego para perder medo de alturas... mas cuidando da iluminação do circo. O que conta é que sua roupa especial foi roubada.

Desculpando-se do artista, a dupla logo encontra o novo vilão e o segue até um farol, onde há uma valiosa coleção guardada. Na fuga, o novo Homem Mosca tropeça em barris de melaço que, ironicamente, o prendem no chão por suas ventosas.

A+:

* A capa original dessa edição apresenta uma pequena informação em uma de suas pontas: a Marvel Magazine. Apesar disso, não significa que o universo Marvel estava formado, algo que aconteceria apenas na década de 60. A informação é o que a tradução literal quer realmenter dizer, ou seja, que se trata de "uma revista maravilhosa". Mas já era o início de uma idéia que seria, futuramente, investida por Stan Lee que, jovem, já fazia parte da redação da editora Timely.

* A edição original ainda considera Steve Rogers como esse Capitão América, como lembra Bucky ao chamá-lo. Porém, para efeitos de cronologia, o personagem realmente sumiu em 1945, sendo este Capitão com a identidade secreta de Jeff Mace e o Bucky continua sendo Fred Davis.

terça-feira, 8 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 19

 - All-Winners Comics (Dezembro de 1946)
> Publicada no Brasil na revista O Guri nº 182 ("A Ameaça do Futuro")

História:

* "Menace From the Future World" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Al Avison, artefinalizada por Jack Kirby (que assina como Charles Nicholas)

* "The Green Plaghe" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por Syd Shores

* "Muder In Slow Motion" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por George Klein

* "Wave of Destrucion" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Al Avison, artefinalizada por Vince Alascia

* "Holiday For Murder" - Desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por Al Avison

* "The Living Dead" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Jack Kirby (assinando como Charles Nicholas), artefinalizada por Syd Shores

* "Flames of Fury" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Syd Shores, artefinalizada por Al Gabriele

* "War Between the Worlds" - Escrita por Otto Binder, desenhada por Vince Alascia, artefinalizada por Al Avison


Perseguindo uma vilã conhecida como Madame Morte, Capitão América e Bucky descobrem que ela se aliou a um poderoso novo inimigo: o Homem do Futuro, que traz tecnologia de um tempo futuro para dominar a Terra.

Diante de tamanha ameaça, o Capitão América convoca outros heróis para se dividirem e tentar deter os vilões em várias partes do planeta. Dessa forma, esse "Esquadrão Vitorioso" envia Ciclone para a América do Sul, Namor para a Ásia, Miss América para a África, Tocha Humana e Centelha para a América do Norte e ele mesmo com Bucky para a Europa.

Em cada um dos continentes, os heróis encontram o Homem do Futuro tentando utilizar uma espécie de ameaça diferente vinda da tecnologia futurista. No final, o grupo se encontra nos Estados Unidos, onde podem deter a Madame Morte e o Capitão consegue alterar a máquina do tempo do vilão para que, ao invés dele ir ao futuro, acabe retrocedendo ao passado e ser derrotado.

A+:


* O grupo conhecido como Esquadrão Vitorioso reunia os principais heróis da Timely (que viria a se tornar a Marvel, décadas depois). Na verdade, sequer poderia ser chamado de "grupo", sendo mais um encontro de personagens. E mesmo esses encontros foram muito poucos... dois apenas, sendo este o segundo. O nome dessa reunião (All-Winners Squad, no original) remetia ao nome da revista em que eram publicados, a All-Winners Comics, espécie de almanaque com a reunião histórias desses heróis, mas independentes de se encontrarem. A estrutura dessa aventura, por exemplo, mostrava várias histórias onde os heróis agiam separadamente, como se fosse uma aventura solo de cada um. A única ligação entre essas histórias são os mesmos vilões em cada uma delas, agindo em uma ordem cronológica conforme seus ataques.

Futuramente, no universo Marvel, seriam contadas histórias dessa reunião de heróis do passado, porém seriam lembrados com outro nome, Os Invasores.

* Houve uma confusão em relação a numeração da revista All-Winners Comics. Da edição de nº 19 ela pulou para a... 21! Na época, a pouca importância a continuidade das histórias era tamanha, que nem mesmo isso era levado tanto em consideração. Não que, na época, esse "detalhe" tivesse passado desapercebido, mas os colecionadores de hoje não tem um motivo oficial do porque isso aconteceu.

A versão mais aceita é de que a revista iria mudar de nome no número 20, mas isso acabou se tornando uma outra revista, chamada Young Allies (que teve numeração própria). Como o tropeço nesse planejamento já havia sido dado, decidiu-se continuar a revista como All-Winners Comics na edição 21, curiosamente seu último número.

* Assim como a cronologia Marvel não considerava Steve Rogers como sendo o Capitão América nesse período, aqui também temos um TERCEIRO Capitão América. O segundo, William Nasland, de acordo a cronologia do universo Marvel, foi morto ao salvar a vida do então desconhecido John F. Kennedy, quando esse iniciava sua carreira política. Portanto, quem assumia o uniforme de Capitão nessa edição era Jeff Mace, o homem que atuou como o herói Patriota até então.

* O escritor dessa saga, Otto Binder, é um dos principais escritores Capitão Marvel, que nada tem a ver com a futura editora/universo, mas trata-se do super-herói que usa a palavra mágica sHAZAM! Otto começou sua carreira como escritor de ficção científica. Assinou seu primeiro trabalho, aos 19 anos, como Eando Binder. Esse nome, aliás, é um jogo de letras devido a essa história ter sido escrita juntamente com seu irmão, Earl. Dessa forma temos E (de Earl) e O (de Otto). "E e O" em inglês escreve-se "E and O", o que explica o nome Eando, e mantém o "Binder" dos irmãos.

segunda-feira, 7 de maio de 2012

O DIÁRIO DE STEVE ROGERS - Parte 18

 - Captain America Comics 56 (Maio de 1946)
> Publicada no Brasil na revista O Guri nº 218 ("Assassinos de Casbah")


História:

* "The Casbah Killer" - Desenhada por Don Rico, artefinalizada por Vic Dowd

Após a Segunda Guerra, a Europa recebe ajuda com mantimentos para os sobreviventes de guerra. No entanto, o governo americano desconfia que há um desvio desses mantimentos em Argel. Para investigar, convocam Capitão América e Bucky.

Em Argel, os heróis são recebidos por um espanhol que idolatra a cultura americana (e o Capitão América, consequentemente), chegando ao ponto de adotar até um nome americanizado. Mas esse fanatismo americano chega ao ponto do espanhol até mesmo ser um gangster e, na verdade, planejar a morte dos heróis.

A dupla é auxiliada por uma misteriosa moça chamada Sari, que lhes dá dicas dos perigos que estão correndo, ajudando-os a desmascarar o vilão espanhol  e descobrir que é ele quem  desvia os mantimentos dos sobreviventes.

A+:

* O escritor Don Rico era talentoso e produtivo... mas também era considerado um agitador dentro da redação da Timely/Atlas (futura Marvel). Era contra um suposto estrelismo de Syd Shores, principal artista da editora na época, e vivia indo contra decisões do próprio Martin Goodman, chefão da Timely, levando um seleto grupo com ele.

Curiosamente, quando se diz que Stan Lee se tornou editor-chefe muito jovem, com 19 anos, Rico também se embrenhava na área mais administrativa da empresa do que o próprio Lee... que era parente próximo de Goodman.